domingo, 9 de junho de 2013

A chegada de Mercúrio

Acendes espelhos por onde passo
e mesmo em tua fúria
inventas silêncios que me acalmam
mirantes, fogueiras, viagens
tudo me trazes nos dias em que ancoras
tua ventania nos meus braços



Um comentário:

  1. Iracema voou para o pé de poema... Coisa mais linda, amiga...

    ResponderExcluir